03/10/2016

Família segundo o coração de Deus

Família, uma palavra curta, mas com um significado imenso. Ao pé da letra, define-se como família a unidade básica de uma sociedade, a qual permanece unida por laços afetivos. De fato, a família pode ser vista desta forma, a forma como o mundo banalizou e nos obrigada a enxergar. Mas aos olhos de Deus, a família é muito mais do que pessoas parecidas em um convívio social, é muito mais do que um amontoado de sete letras, família é muito mais do que o mundo diz que é.

Por muito tempo, tive a minha família como este simples significado de dicionário. Quando me perguntavam sobre a minha família eu sempre dizia: é maravilhosa. Maravilhosa porque tinha alegria do meu irmão, porque tinha a comida da minha mãe, tinha o sustento do meu pai e tinha os brinquedos que abarrotavam o meu quarto. Um belo dia, um Deus que eu nem se quer conhecia de verdade, decidiu mudar a minha vida, e ele começou pela minha família. Em um momento de muita dor dentro da minha casa, aquilo que era maravilhoso desmoronou e através dessa dor eu pude conhecer o Deus que me remodelou e pude entender que à medida em que ele estivesse presente, mesmo com as lagrimas, minha família seria refeita porque ele se encontrava ali. Esse Deus me fez entender que aquilo que ele sonhou para mim era muito mais do que eu conhecia.

Aos olhos de Deus, a família é tão sagrada que ele desejou que seu filho único tivesse uma. Maria e José, tão simples, mas com tanto amor, formaram o Jesus, e estes são modelos de como Deus sonha que as famílias sejam. Em Êxodo 20:12 vai dizer: “Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá”. Por muitas vezes somos alienados pela visão mundana que o “bater de frente” é necessário para a imposição de valores, para o crescimento humano ou ainda para expor ideias. Infelizmente atualmente é o que mais acontece e é o ponto de partida a desestruturação. Afirmado ainda no quinto mandamento, nota-se que respeito aos pais de fato é imprescindível para o lar. Quantas vezes uma palavra má dita, um olhar sem amor ou até mesmo um silêncio inerente desonram aqueles que Deus planejou como nossos pais ou aqueles que a nós foi designado como irmãos? Uma família sonhada é aquela que acima de tudo compreende o amor, amor ao próximo, amor expresso em ações, em palavras, em cuidado, em pensamento, mas principalmente expressa em Deus. “Mas, se alguém não cuida dos seus, e especialmente dos da sua família, tem negado a fé, e é pior que um incrédulo (Timóteo 5:8) ”.

Segundo o coração de Deus, a família é um bem precioso, é um tesouro que precisa ser guardado, é uma joia que deve ser cuidada, é o alicerce da vida, é sinônimo de fidelidade. Se até Deus quis que Jesus tivesse uma família, olhe para sua mãe como o Salvador olhava pra Maria. Obedeça ao teu pai assim como o menino Jesus, obedecia a José. Respeita o teu irmão como ele respeitava a todos que se aproximavam. Ame a tua família como Deus amou primeiro, afinal é uma palavra curta, mas com um significado imenso.

Por: Amanda Ravazi

Comentários

↑ topo